Resumo

Seria a polarização das ideias o que torna a ciência uma instigante sucessão de evoluções, ou, as ideias contrárias não são necessárias para manter uma disciplina em órbita e vigor pluridimensional? Assim, Cristina Altman definiu estar a ciência extremamente complexada pelas polarizações. A Conferência, mencionada no ciclo de Conferências da ABRALIN AO VIVO 2020, teve o título idêntico ao curso de pós-graduação que ela proferira em 2017 na Faculdade de Letras da USP: “A Guerra Fria Estruturalista”, em que fui aluno especial, e, por isso; ponho-me à composição desse ofício. Neusa Bastos (prof. Dra. PUC/SP) fez a apresentação da conferencista. A relevância internacional de Cristina Altman não está em suas partidas ao exterior, mas especialmente pela recepção no Brasil, por exemplo de Pierre Swiggers e David Ernst Frideryk Konrad Koerner. A formação da linguista prima pela disciplina da Historiografia Linguística, ao qual se centra “A Guerra Fria Estruturalista”.