Resumo

A mesa Psicolinguística Experimental em Interfaces, proposta pela Abralin, tem como escopo os avanços de três áreas importantes que estão em interface com a Psicolinguística Experimental: as Neurociências, o processamento multimodal e a Aquisição da Linguagem (AL). A Prof.ª Dra. Lilian Hübner (PUCRS) apresenta experimentos que focalizam a compreensão e a produção da língua em participantes com diferentes níveis socioeconômicos e de escolaridade. São discutidas também pesquisas em pacientes com Doença de Alzheimer, Comprometimento Cognitivo Leve (CCL), ou quadro de problemas linguísticos pós-AVC. A segunda interface, discutida pela Prof.ª Dra. Erica Rodrigues (PUCRJ), aborda a multimodalidade do processamento linguístico, defendendo que os aspectos não linguísticos (como imagens e gráficos) devem ser considerados para a compreensão do processamento linguístico como um todo. Finalmente, a Prof.ª Dra. Cristina Name enfatiza a atuação da psicolinguística experimental na área da Aquisição da Linguagem, com foco na prosódia da Fala Dirigida à Criança (FDC).