Resumo

Neste texto, resenhamos a conferência proferida pela professora Esmeralda Vailati Negrão no ciclo de conferências promovido pela Abralin Ao Vivo. Nessa conferência, Negrão discorre, entre outros tópicos, sobre aspectos sintáticos do português que podem ser resultado do contato linguístico entre diferentes povos que dividiam o espaço territorial do Brasil. A autora defende que, para que se possa compreender a estrutura da língua, é preciso que se pense o português brasileiro como uma língua colonial, resultante do multilinguismo existente durante sua consolidação. Com isso, a discussão levantada por Negrão ajuda-nos a expandir novos olhares em relação à constituição do português brasileiro, tanto voltados a sua estrutura, quanto voltados ao seu contexto sócio-histórico de surgimento.